Sobre nós

Somos uma jovem equipa de investigação sediada na Estação de Biologia Marinha do Funchal, na Ilha da Madeira, Portugal. Temos interesses amplos e formação em biologia marinha, ecologia de comunidades, biogeografia e ecologia de invasões. A nossa investigação incide principalmente em comunidades marinhas bentónicas.

 

A nossa equipa tem desenvolvido uma base sólida de conhecimento sobre a taxonomia e ecologia de organismos bentónicos, e nossa abordagem combina dados de campo descritivos, ensaios experimentais, modelos estatísticos para testar questões ecológicas importantes.

 

O nosso objectivo é usar estas técnicas para responder a questões actuais e de interesse para diversos público alvo – público em geral, cientistas, gestores, políticos. Por exemplo, estamos interessados em compreender a aprofundar conhecimento nas seguintes questões:

 

i) Qual a razão de algumas regiões serem mais ricas em biodiversidade marinha que outras?

 

ii) Porquê que alguns habitats e/ou regiões são mais ricas em biodiversidade e abundância de espécies não-indígenas (NIS)?

 

iii) Que efeitos tem a poluição marinha em determinados habitats e espécies? Será que o padrão observado numa região é constante ao longo de um gradiente de latitude?

 

Para tentar responder à maioria destas perguntas é fundamental desenvolver e participar em projectos e redes de cooperação internacional. Por exemplo, é fácil entender que a mudança e deslocação geográfica de NIS é um processo dinâmico e sem fronteiras entre mares e águas de países. Este fenómeno só pode ser observado, compreendido e estudado em larga escala, para que a colaboração internacional é fundamental.